Seja bem-vindo, você é o visitante número 1.073.579 do nosso site desde março/2009.

Menu Principal
Início
Apresentação
Notícias
Comentários
Agenda de Jogos
Fotos e Vídeos
Hino
Contato

Campeonatos SINDIJUS
Veterano 2018
Veterano 2017
Veterano 2016
Aberto 2015
Veterano 2015

BOLÍVIA GANHOU TUDO!


Publicada em: 29/11/2015 09:49
por: Hélio da Rosa Machado

A equipe boliviana de Evo Morales ganhou tudo este ano, na edição do aberto 2015. Começou com o Torneio Início. Depois com a classificação (invicta) na 1ª fase. E, na semifinal foi eficientíssima para poder vencer a Venezuela. Na final fez ‘cabelo, barba e bigode!. Não só conquistou o título, mas também os troféus de goleiro menos vazado e de artilheiro.

Às vezes, é assim mesmo! Lembro-me que no dia do sorteio depois de os Representantes terem separados os times, a equipe 6 (da Bolívia) lá estava devidamente formada, mas na hora do sorteio era preciso arrumar um responsável por ela. Foi nesse contexto que foi sugerido o nome do Aurivaldo
Albuquerque, os Pastor, já que ele sempre participava e nessa competição ele sequer tinha sido inscrito. Ele aceitou a incumbência e nesse momento a equipe boliviana estava pronta para surpreender dentro de campo!

O time verde foi escolhido por alguns torcedores, especialmente por aqueles mais próximos, como a equipe a ser considerada a possível campeã, porque reunia um elenco de qualidade dentro da ótica de seus simpatizantes. Daí surgirem vários comentários neste site no sentido e enaltecer o elenco de Evo Morales. Dito e feito. Aquela galera de arquibancada já previa uma equipe surpreendente dentro de campo.

Como alguns times tropeçaram e não encontraram fôlego dentro de campo, em face da força maior ter trazido para o elenco vários problemas, tanto de ordem física, como de ordem de ordem técnica, além, é claro, de ausências etc, a Bolívia sempre sobrava dentro de campo, mesmo sabendo-se que o time ainda tinha perdido atleta de classe A que não foi reposto porque o Conselho de Representantes achou que deveria haver um equilíbrio, tendo vista que o excrete boliviano já tinha ganhado o atleta Jader que, com certeza, foi um dos baluartes da boa performance do time.

O jogo de ontem contra o Paraguai até que foi bem disputado. Mas havia uma expectativa no ar de que o adversário, a qualquer momento, poderia levar o gol, já que não conseguia fazê-lo e a equipe boliviana contava com jogadores decisivos, como foi a atuação impecável do meia Ruymar Jr. E foi este que na metade do segundo tempo teve uma bola rebatida pela zaga vermelha que veio parar em seus pés. Com presteza e competência conclui para o gol, tirando o zero do placar. Daí pra frente a equipe paraguaia se esforçava para chegar ao gol adversário, mas a zaga da Bolívia, bem postada, e com jogadores extremamente marcadores, não deixava a ‘peteca cair’. Quando faltavam alguns minutos para o apito derradeiro, o lateral Marcelo (atleta da ESPROVAL), em jogada individual a lá “cafus’, veio driblando a zaga adversária até a linha de fundo e ergueu a cabeça quando viu o atleta Ruymar Jr se aproximando livre pela outra retaguarda. Fez um passe primoroso e estava selado o segundo gol da equipe boliviana. 

Aí foi aquela festa!. Já não dava tempo pra mais nada no sentido de que o adversário fosse atrás de seus gols...O árbitro encerrou a partida e consagrou a equipe verde como a melhor da história de nossos campeonatos.

Não vamos deixar de elogiar o ato heróico da equipe do Brasil que, com apenas 08 jogadores (com o goleiro), manteve-se firme dentro de campo em respeito à Venezuela que estava completa dentro de campo. A equipe venezuelana queria o título de terceiro lugar. Seus atletas o valorizaram ao vencer a desfalcada equipe brasileira.

Pena que tenha sido neste momento tão frio em que essa tradição (dos campeonatos) tem sido tratada pela Presidente Beth. Todos sabem dos entreveros com a data da final. E para culminar nesse desprezo a Presidente nem sequer apareceu para entregar o troféu à equipe vencedora. Por certo, estava mais preocupada com os arranjos de seu salão e para aquilo que ela considera mais importante em nosso clube, que são os eventos da área social.

É de se lamentar também a perda de outra tradição muito apreciada em finais. Sentimos a falta do momento cívico! O canto do Hino Nacional era algo que estava inserido no contexto do futebol. Uma pena realmente! 



Imagens

Bolívia se preparando para a grande final.

Um time bem qualificado tecnicamente.

Comemoração merecida.

Troféus entregue às equipes...

Presença de esposas.

Arquibancadas agitadas.

Torcida veio prestigiar.

Hora de apreciar a festa.

Paraguai ressurgiu das cinzas e veio forte...

Comentários (4)

Enviado por: Boliviano, em: 29/11/2015 10:34
Parabéns pelo comentário Machadinho, também estava lá na arquibancada e realmente essa presidente Beth tem seus próprios interesses, não se preocupando nem um pouco com esse campeonato que já é tradição e que é o único evento que alegra os funcionários e convidados nos finais de semana. Mas nada como um dia atrás do outro, felizmente temos a chance de reverter essa situação na próxima eleição, espero que os sindicalizados na hora de votar não se esqueçam desse descaso com que fomos tratados no decorrer desse campeonatos, e também, que esse presidente está agindo em benefício próprio, como por exemplo essas festinhas que realiza.

Enviado por: É verdade, em: 29/11/2015 10:39
Achei muito estranho a ausência desses diretores. Aliás o descaso foi tanto que o pedacinho que cederam para a comemoração do campeonato não cabia 20 pessoas, tendo em vista que estava chovendo. Mais vocês do futebol estão de parabéns por tudo que realizaram e ainda vão realizar, apesar dessas pessoas que não tão nem aí pros boleiros que são pessoas que realmente agitam a chácara nos finais de semana, faça sol ou faça chuva. Agora o que nos resta é ir nas peladas aos sábados, isso se deixarem, caso não promovam mais esses eventos que quase ninguém fica sabendo.

Enviado por: Insatisfeito, em: 29/11/2015 13:19
Sabado passado teve homens batendo em mulher no estacionamento do clube, depois mais porradas entre dois caras, pessoas bebadas mijando nos muros e tal... Ninguem gosta de tomar porrada, imagina se tem alguem armado, imagina ainda se um inocente ou pior ainda uma criança toma um tiro. Fico pensando se vale a pena ir com minha familia e levar crianças nesse ambiente ostil que esta se tornando a nossa chacara.

Enviado por: Adalberto(paraguayo), em: 29/11/2015 19:05
Parabéns à equipe da bolivia que fez por merecer o título de Campeã. Jogo difícil, excelente espetáculo!!!

Enviar comentário


Nome:
Comentário:
Código de verificação:  
(digite os números que aparecem na imagem ao lado do campo)