Seja bem-vindo, você é o visitante número 1.074.467 do nosso site desde março/2009.

Menu Principal
Início
Apresentação
Notícias
Comentários
Agenda de Jogos
Fotos e Vídeos
Hino
Contato

Campeonatos SINDIJUS
Veterano 2018
Veterano 2017
Veterano 2016
Aberto 2015
Veterano 2015

HORA DE REFLEXÃO SOBRE NOSSO FUTEBOL!


Publicada em: 30/11/2015 09:35
por: Hélio da Rosa Machado

 

O ano está acabando e mais uma vez nós do site Mão na Taça estamos gratos pela participação de nossas internautas.

Estamos bem perto de atingir a marca de 800.000 acessos. Isso premia a quem fica atento a tudo para poder trazer aos nossos internautas as notícias bem quentes sobre tudo aquilo que envolve nosso futebol e nossa entidade de classe.

Não foi um ano bom para o futebol. O campeonato de veteranos não teve aquela vibração de anos anteriores. Foi reduzido o número de participantes. Muita gente ficou fora por uma razão ou outra. Já o aberto foi pior ainda. A lista de inscrição ficou praticamente estagnada por quase quatro semanas. Só depois, quando muitos achavam que não ia ter a competição e com a necessidade de inscrição meio compulsória é que foi possível a montagem de 6 times. Ainda assim, houve muitos problemas durante a competição no sentido de reposição das equipes em face das vagas que surgiram. Não havia atleta disponível para o preenchimento dessas vagas.

Talvez seja hora de uma reflexão profunda!

Não vamos aqui colocar culpa em ninguém! Nosso sindicato é genuinamente democrático e temos de valorizar quem está na direção porque se trata de uma entidade classista cujos cargos não envolvem remuneração. Logo, se a administração está sendo feita com transparência e com lisura no que concerne ao uso de seu patrimônio e de sua receita, não há motivo para críticas incisivas.

Entretanto, isso não quer dizer que a Diretoria não mereça alguma crítica construtiva, especialmente por quem está atento ao futebol e a ele se filia como ingrediente de lazer e bem-estar.

Estamos no final do ano e o momento é de reflexão, por isso é hora de fazer um balanço no sentido de que as coisas que porventura não andaram bem neste ano, possam ser consertadas para o ano que vem.

Tenho conversado com muitos colegas que, como eu, gostam de freqüentar o nosso clube social para desfrutar do futebol. Aliás, isso não é novidade para ninguém. Exemplo dessa união se faz pela integração do grupo chamado ‘Bancada da Bola’.

Pois bem. Temos conversado muito sobre o uso de nosso campo por terceiros. Não têm nenhum de nossos colegas que apóia essa iniciativa da Diretoria de alugar o campo para Escolinhas de futebol. O sindicato é nosso e não da diretoria. Ela está lá para administrar nosso patrimônio, mas de uma maneira que não ofenda aquilo que é direito do filiado. A única justificativa válida para tal seria no sentido de que a verba arrecadada fosse investida no próprio campo. Não temos informação alguma sobre essa alocação de verba em favor da recuperação de nossa Arena Sindijus. Ao contrário, com a participação dessa escolinha podemos é perder ainda mais a capacidade de recuperação do campo nos momentos críticos. Este ano as chuvas foram abundantes e não causaram nenhum transtorno. Mas, quem garante que no que vem vamos ter essa graça novamente?

Sucede que nosso campo precisa de reformas urgentes. Aliás, essa reforma já foi feita no campinho society. A iniciativa mereceu nossos aplausos. Agora é hora de reformas no campo principal, que é, sem dúvida, a maior vitrine de nosso clube. A iluminação é precária. Com o tempo foram sendo colocadas luminárias inferiores à capacidade daquelas que foram inseridas originalmente. O resultado disso é a desproporcionalidade nos focos de iluminação. Além disso, o gramado precisa de uma maior atenção. É necessário que seja reposta camada de arenito superior que dê sustentação à raiz. Junto com essa providência deve ser colocada uma camada de adubo.

Outra coisa importante. Há que se fazer uma programação anual de tal monta que o calendário esportivo não seja atropelado pelo social. Esse respeito às pastas da Diretoria é que vai causar boa impressão no sindicalizado. Senão fica parecendo que uma delas é mais importante que a outra.

Há também necessidade de reestudo dos campeonatos. Há que buscar nas lideranças que ali freqüentam o que elas acham que está motivando o afastamento dos antigos filiados que não tem participado mais? Penso que eles devem ser mantidos com novas ‘roupagens’. Qual o porquê de termos que achar Representantes de uma forma tão forçada como foi esta última competição? Digo isso, porque no passado tinha mais candidatos do que vaga. Agora termos mais vagas do que candidatos!

Enfim, o ano está acabando e com ele devemos esquecer o que passou, mas ficar atentos no que virá.

Nós, os apaixonados pelas ‘peladinhas’ lá na Chácara nos manteremos na expectativa de continuarmos por lá, ás vezes acertando, às vezes errando, mas, sempre participativos, para que o futebol, que tem sido a maior paixão do filiado continue a ser tratado com respeito e com atenção por parte da Diretoria. 



Imagens

Nossas arquibancadas devem encher novamente.

Que a dúbia emoção de ganhar e perder continuem a nos trazer alegria.

Que o prazer de ter um troféu às mãos continue a nos dar ânimo para vencer a lutas diárias dentro da função de cada um.

Comentários (0)

Enviar comentário


Nome:
Comentário:
Código de verificação:  
(digite os números que aparecem na imagem ao lado do campo)