Seja bem-vindo, você é o visitante número 1.401.794 do nosso site desde março/2009.

Menu Principal
Início
Apresentação
Notícias
Comentários
Agenda de Jogos
Fotos e Vídeos
Hino
Contato

Campeonatos SINDIJUS
Veterano 2021
Veterano 2019
Veterano 2018
Veterano 2017
Veterano 2016
Aberto 2015
Veterano 2015

UMA RODADA DE RECUPERAÇÃO PARA ALGUMAS EQUIPES


Publicada em: 03/10/2021 11:52
por: Hélio da Rosa Machado

 

A tarde deste sábado reservou muitas emoções; se de um lado algumas equipes se recuperaram do (s) fracasso (s) inicial, só a equipe da Colômbia não conseguiu evoluir na competição. Infelizmente é a equipe a que tenho o comando. Isso, para mim, saiu mais pesado que a ‘encomenda’ visto que não recebi o presente de aniversário (a vitória) e nem o grupo que esperava desfrutar de algumas geladas a mais por conta do patrocínio do aniversariante.

 

No primeiro jogo PERU x CHILE fizeram um jogo equilibrado e cada equipe somou mais um ponto na competição. Isso não pode ser visto como prejuízo, visto que estamos só na 3ª. Rodada e os 4 pts as credenciam a estar entre as quatro semifinalistas. Além disso, não há negar que foi um confronto bem disputado. O fato é que essa partida protagonizou os gols mais bonitos da rodada, quiçá da competição. Fabrício (meia) da equipe do Peru acertou uma cabeçada daquelas ensinadas na base das equipes profissionais. Quem cabeceia deve procurar alcançar a bola de olhos abertos e com ponto de atrito na testa, para que a jogada seja indefensável para o goleiro. Foi o que ocorreu. Entretanto, o gol magistral da tarde veio do empate da equipe chilena. O (meia) Marcelo M. Escobar recebeu um cruzamento do ala Ducatti. A bola veio em um ângulo decadente e de difícil arremate de ‘bate pronto’. O jogador protagonista da jogada arrematou a bola para o gol meio que em posição horizontal com o gramado e sem deixar a bola cair acertou um petardo na bola que seguiu rente ao chão e entrou bem no canto esquerdo do goleiro Bugrão. O arqueiro não teve nenhuma chance de chegar na bola para fazer a defesa. Final: 1 x 1.

 

No segundo jogo da tarde entre BOLÍVIA X PARAGUAI foi a vez da equipe boliviana depois de substituição por contusão, encontrar-se com vitória e, com um jogo a menos, porque já folgou na primeira rodada, iniciar sua batalha pela classificação. A equipe paraguaia desfalcada de alguns jogadores importantes não conseguiu reeditar sua liderança que já havia vencido nas duas rodadas anteriores. Foi um time muito abaixo. A equipe boliviana não tinha nada a ver com isso e foi para cima do adversário. Bolívia vendeu ‘caro’ aqueles comentários maldosos que vieram da arquibancada na rodada anterior de que seus atletas foram escolhidos por ‘arroba’. O que se viu foi uma equipe disputando jogadas e protagonizando bons lances de ataque e se defendendo como ‘manda o figurino’. Preciso contar aqui que a jogada do gol da Bolívia foi articulada e criada pelo atleta Ruymar. Ele passou por mim nas arquibancadas e desafiou: Vê se escreve lá que fui eu quem dei uma assistência “espetacular” para que o centroavante Paulo Rogério só ‘empurrasse” a bola para o encontro das redes. Tá bom?  Atendi a sua observação? Rsrsrs. Mas, convenhamos, aí já é a impressão deste articulista: Se o centroavante Paulo Rogério não pegasse bem na bola, eu não estaria falando em seu nome. Rsrsrsrs

 

No terceiro jogo COLÓMBIA x BRASIL eu nem deveria ter palavras para fazer sua narrativa. Explico: lá no time não estou conseguindo, em palavras, fazer com que a equipe jogue para vencer. Aí a palavra perde seu valor né? Brincadeirinha! Tenho que me conformar com as palavras porque na prática as coisas não estão caminhando. Foi um jogo de choque para mim, é claro! Era o meu aniversário e eu quase não comi, não bebi, para poder, talvez, depois do jogo comemorar (de presente) uma vitória. Ledo engano! O adversário não queria nem saber se ia estragar o presente. Tanto que a equipe do Brasil, mesmo desfalcada e com apenas um reserva, ganhou o jogo com méritos. Olha! Parece que tem um sapo enterrado naquele gramado do Sindijus. Quando a colômbia joga o sapo com o seu COACHAR, OU O GRASNAR OU ROUQUEJAR faz com que dê ‘um branco’ na qualidade de nossos jogadores. Por que estou dizendo isso? Porque a equipe da Colômbia tem jogadores de bom nível técnico só que na prática parece uma equipe de passadores de peteca, nunca a bola vai no lugar em que eles pensam. Sucede que o vento muda a trajetória da gorduchinha. A questão do sapo enterrado ficou bem claro quando fizemos o gol contra a equipe do Brasil. Um gol bem trabalhado. Marcelo fez o pivô viu o Tulinha chegando, rolou a bola, o Tula (com jeito de artilheiro) só deu um ‘tapa’ na bola que deslizou no lado esquerdo da meta adversária. Até aí tudo bem, eu já tinha vibrado e pensado que meu presente estava chegando. Só não contava com o COACHAR do sapo. O adversário deu saída na bola que veio para ala direita para os pés do Valdecir (militar). Aí a bola começou a se encontrar com diversos pés até que alguém (não deu para ver) deu um chute meio sem força, mas foi parar mansamente no canto esquerdo do goleiro e aí chegou Fabão só para empurrar para dentro. Daí para frente foi só desespero para a equipe colombiana. Nada mais deu certo. A equipe do Brasil percebendo o nosso desequilíbrio e falta de precisão nos passes foi para ‘cima’. A bola veio pela esquerda, nossa defesa falhou. Aí só um toque para tirar o goleiro da jogada e deixar Marlones com o gol escancarado. Não deu outra: Gol da vitória do Brasil. 2 x 1 Brasil e agora a Colômbia vai ter que mudar sua postura se ainda almejar a classificação.

 

 



Imagens

Hora de concentração

Peru estudando o esquema tático

De cabeça baixa (n 8) Marcelo Escobar que iria protagonizar o gol mais bonito até agoraa

Comentários (3)

Enviado por: Edson , em: 03/10/2021 13:26
Parabéns pela matéria,Machado!

Enviado por: Edson , em: 03/10/2021 13:32
A primeira imagem da matéria trata se de homenagem póstuma "in memória"para o ex atleta e amigo ROGÉRIO RIGOL que nos deixou essa semana.Que DEUS o tenha, Amém!!!!

Enviado por: Hélio, em: 03/10/2021 13:39
Obrigado Edson. Sim. Concentração de fé....Rogério foi um grande incentivador do grupo da Igreja. Foi compeão em alguns certames. Pessoa que deixou ótima imagem pra nós...Bem lembrado...

Enviar comentário


Nome:
Comentário:
Código de verificação:  
(digite os números que aparecem na imagem ao lado do campo)