Seja bem-vindo, você é o visitante número 1.401.623 do nosso site desde março/2009.

Menu Principal
Início
Apresentação
Notícias
Comentários
Agenda de Jogos
Fotos e Vídeos
Hino
Contato

Campeonatos SINDIJUS
Veterano 2021
Veterano 2019
Veterano 2018
Veterano 2017
Veterano 2016
Aberto 2015
Veterano 2015

Sou campo-grandense.


Publicada em: 26/08/2011 10:04
por: Hélio da Rosa Machado

                 A noite desta quinta-feira próxima passada, véspera do aniversário de 112 anos da nossa Capital Morena, foi glamourosa, no que diz respeito à presença do povo no Centro de Convenções Rubens de Camillo, visto que o espaço para 950 pessoas foi pouco, já que muitos tiveram de ficar de pé durante as 3 horas de solenidade.

                   Senti-me um peixinho pequeno no meio de tantos douradões. Refiro-me às autoridades que me rodeavam. Como o cerimonial organizou o evento por ordem alfabética, os homenageados do Vereador Athayde ficaram bem na frente do palco. Assim, fiquei ao lado dos flash das câmaras fotográficas, já que na minha retaguarda estavam Delcídio (Senador), Fábio Trad (Deputado Federal), Londres Machado (Deputado Estadual) e à minha frente autoridades como: André Pucinelli (governador), Picarelli (Deputado Estadual) e por aí à fora. Não preciso dizer que nesse universo de 'peixes grandes' acabei sendo coadjuvante dos flash, ou, numa linguagem mais simples: virei "papagaio de pirata".

                    O fato é que naquele momento entendi o quanto é importante que a Câmara de Vereadores ofereça esse tipo de comendas às pessoas comuns, ou às autoridades, levando-se em consideração que abre oportunidade para que se oficialize, perante a massa presente, o quanto a individualidade de cada um é importante no universo das realizações coletivas. O cerimonial foi expondo o que cada pessoa significava, mostrando cidadãos de visível competência no que diz respeito ao seu propósito de vida, ilustrando que a sociedade se traduz numa mistura de cultura, de micigenação de raça, de pluralismo de opções, de forma que cada um, por mais simplória que seja a sua luta, acabo semeando idealismo e convicções que servem de exemplo para a nova geração que vem surgindo e que, por consequência, será encarregada das renovações e das conquistas futuras.

                    Observei a postura firme e o grande caráter ideológico do atual presidente da Câmara de Vereadores, o Dr. Paulo Siufi, um homem de visão e de discurso simples, mas, que agrega nas suas propostas o bem-estar das comunidades e, o mais importante, escancara o portal da Câmara para que o povo enxergue o que acontece no dia a dia dos seus vereadores.

                      Vi, também, com maior entusiamo que o de costume, a postura resoluta de homem público do nosso querido representante na Câmara dos Vereadores, o nosso inquestionável amigo do Poder Judiciário, o Athayde Nery, a quem passo admirar ainda mais, até porque esse não se esquece da sua origem e não tem receio algum de trazer junto com ele, para o meio político que margeia sua carreira, aqueles que um dia lhe deram força na sua caminhada. Exemplo disso é a primeira comenda desta natureza, atribuída a outro companheiro de contribuição efetiva em nossa trilha associativa e sindical, já que foi o amigo José Berlange de Andrade, o primeiro cidadão do nosso meio a ser brindado com tal homenagem. Agora, num segundo passo, o Vereador Athayde, fez-me alcançar a mesma comenda e, quem sabe, quanto outros companheiros ainda não serão chamados para o mesmo propósito?

                   Diante do exposto, mais uma vez retomo este espaço virtual para os agradecimentos que a ocasião requer. Como disse em manifestações anteriores, esta caminhada não é só minha, existe um grupo de pessoas que juntos estão deixando suas marcas. Por isso, agradeço também esses outros cidadãos campo-grandenses que, como nós, tem vibrado em nome da nossa causa. São pessoas simples como nós, mas, que possuem disposição e sentimento capaz de remover obstáculos. Muitos vieram do interior, outros, são daqui mesmo. Não importa. O que vale é a capacidade e o discernimento para 'arregaçar as mangas' e fazer as coisas acontecerem.

                   Por fim, peço escusas à "Bancada da Bola" e à ESPROVAL por não ter comparecido no SINDIJUS na noite de ontem. Liguei para o Edson e expliquei que minha esposa, depois de resistir mais de 3 horas com os sapatos, o desconforto afetou sua disposição e tivemos de tomar outro rumo. Não faltará oportunidade para cumprir a promessa das "loiras geladas".

 



Imagens

Posando para as fotos com o 'diploma' na mão.

Irmão e sogra prestigiando o homenageado.

Guima e representante dos blogueiros da ESPROVAL prestigiando o homenageado.

Comprade Arthur (representando a "bancada da bola") e José Roberto (afilhado) prestigiando homenageado.

Cunhada (Walesca) e sogra (Vânia) prestigiando o homenageado.

Comentários (0)

Enviar comentário


Nome:
Comentário:
Código de verificação:  
(digite os números que aparecem na imagem ao lado do campo)