Seja bem-vindo, você é o visitante número 1.324.110 do nosso site desde março/2009.

Menu Principal
Início
Apresentação
Notícias
Comentários
Agenda de Jogos
Fotos e Vídeos
Hino
Contato

Campeonatos SINDIJUS
Veterano 2019
Veterano 2018
Veterano 2017
Veterano 2016
Aberto 2015
Veterano 2015

Uma tarde reveladora.


Publicada em: 20/11/2011 07:43
por: Hélio da Rosa Machado

                  Revelou-se na 7ª rodada do campeonato que nossa competição está hiper prestigiada pelos atletas que se inscreveram no Vetera/2011. Elogiem-se a presença maciça dos atletas das equipes que não tinham mais chance de conquistar uma vaga na semifinal. Ao contrário do que os pessimistas pensavam, os jogadores deram resposta ao chamamento deste site e compareceram em massa para participar da última rodada.

                    Começando pelo Operarinho que enfrentou a equipe do Ivinhema. Veio para campo com seu elenco quase completo, à exceção de apenas um jogador de meio de campo que não esteve presente, todos os outros, no horário exato, ali estavam para cumprir o jogo que a tabela exigia. Diante disso quem ganhou foi a galera presente, visto que os torcedores viram dois times aguerridos correndo atrás da vitória. A presença do adversário valorizou a vitória do Ivinhema, já que seus jogadores tiveram de correr os dois tempos de jogo para poder alcançar o bom resultado de 3 X 0. 
                   
                    Mas, as surpresas agradáveis estavam reservadas para o 2º jogo. Naviraiense e Aquidaunense corriam atrás da vitória. O primeiro para conquistar vantagem na semifinal, caso alcançasse o 2º lugar na classificação geral. Já, o Aquidauanense 'brigava' para conquistar a vitória e com isso aliviar sua situação na semifinal, eis que com tal resultado estaria escapando do enfrentamento com a equipe comercialina. Não deu uma coisa nem outra, já que o placar final foi o empate de 1 X 1. Aliás, foi nesse jogo que aconteceu o lance mais inusitado da rodada, já que o gol de empate feito pelo Aquidauanense veio dos pés 'abençoados' de um pseudo 'pastor'. O Valdir Casagranda que estava ao meu lado na arquibancada denominou esse gol de 'um gol evangélico', tamanha a destreza em que a bola foi parar nos fundos das redes.  O fato é que o intrépido jogador executou uma jogada 'a lá pelé', fazendo o chamado gol de letra, ou seja, deixou que a bola passasse entre os dois pés e proporcionou um leve desvio que foi suficiente para que a pelota fosse tomar o rumo do cantinho direito do arqueiro adversário. O lance foi tão inesperado e inédito que arrancou imediatos aplausos da galera presente em face ao encanto da jogada e por ter sido executado por um jogador que tem a Bíblica como inspiração.

                   O terceiro jogo também prometia, visto que o técnico do Cene, o paraguaio/francês Alzirê, chegou na nossa Arena Esportiva com um esparadrapo no nariz, indicando que não queria ficar sem ar durante a partida, já que seus olhos azuis (levemente avermelhados) indicavam que 'a canha' tinha descido incontinenti pela goela seca. Não deu outra, quando começou a partida já se via que o inusitado instrumento narizístico tinha trazido um fôlego duplicado para o amigo Alzirê. Resultado é que a equipe do Cene, vendo seu comandante tão a fim de uma vitória, correu em dobro para fazer jus ao exemplo do comando. Foi assim que o Cene, viu a conquista do 5º lugar chegar de um forma bem fácil, já que a equipe verde oliva, sem qualquer tipo de improvisação teve de amargar com mais uma derrota.

                     Segue algumas fotos com características da tarde reveladora.



Imagens

O 'pastor' que proporcionou o primeiro 'gol evangélico' de a nossa cancha esportiva.

Finalmente uma foto do Ivinhema que até então não tinha figurado em nenhuma rodada.

Uma arbitragem diferente.

Arquibancada cheia.

Treinador tentando achar uma fórmula de vencer o jogo.

Detalhe do nariz encapado. Nova fórmula de vencer uma partida.

Um trabalhador prestigiando a rodada. Até que tem cara de jogador....

Um trio que partilha chegada na semifinal.

Comentários (7)

Enviado por: ALDO DONIZETE, em: 21/11/2011 00:01
Hélio, seu time que se cuide, o "pastor" vem ai e me disse que já está concentrado e "jejuando, e o fará até a véspera do jogo, pois assim terá certeza que virão mais golaços!

Enviado por: Alziro, em: 21/11/2011 09:34
Estão de parabéns as equipes semifinalistas, pois souberam aproveitar as oportunidades. Por outro lado, QUERO PARABENIZAR as equipes do Ponta Porã e do CENE porque, mesmo sem chance de classificação, compareceram à arena sindijuzense e mostraram que são desportistas de verdade. Vejo vocês no churrasco!

Enviado por: Alziro, em: 21/11/2011 09:35
André Bossay: Vai ¹/² dz no título do Brasileirão?

Enviado por: Bossay, em: 21/11/2011 09:55
Dpois da próxima rodada nós conversamos Alziro....Em tempo:não esqueci da sua meia dúzia viu!!! abraço!!!

Enviado por: Alziro, em: 21/11/2011 15:32
Ao bom pastor, um golzinho não faltará; ainda que de letra torta rsrsrsrsrs

Enviado por: EU, em: 24/11/2011 15:04
O Aurivaldo "fenômeno", acaba de dizer que nesta semi final, fará ao menos três gols, porque assim, poderá pedir música no fantástico. O repertório já está definido: "Faz um milagre em mim". Haja fé.

Enviado por: EU, em: 24/11/2011 15:06
Acrescentando: Ele disse que o fato de o time do HélioMachadinho ter se reforçado, vez que apressou a volta do Tucho é a energia e a motivação que faltva.

Enviar comentário


Nome:
Comentário:
Código de verificação:  
(digite os números que aparecem na imagem ao lado do campo)