Seja bem-vindo, você é o visitante número 1.107.523 do nosso site desde março/2009.

Menu Principal
Início
Apresentação
Notícias
Comentários
Agenda de Jogos
Fotos e Vídeos
Hino
Contato

Campeonatos SINDIJUS
Veterano 2018
Veterano 2017
Veterano 2016
Aberto 2015
Veterano 2015

O verdadeiro sentido da amizade.


Publicada em: 08/01/2014 19:55
por: Hélio da Rosa Machado

A amizade é uma corrente que puxa as pessoas no sentido de se levantarem quando estão prestes a cair. É realmente uma sensação maravilhosa para quem percebe, por simples gestos, que aqueles que você confia também confiam em você.  É gratificante ser brindado com uma mão estendida, com palavras de otimismo, com disposição para ajudar.

Em certo dia numa reflexão sobre amigos alguém me perguntou se eu poderia considerar a “Bancada da Bola” pessoas amigas. Eu não tive dúvidas em responder que sim. Mas, no fundo ficava aquela sensação de frio na espinha. Será que estou fazendo um bom juízo? Afinal, nossos encontros são simplificados em momentos de alegria. Dizem que são nos momentos que a gente precisa de ombros amigos que o pêndulo da amizade faz a medição do alcance de cada um deles.

Hoje tive a ajuda de dois grandes amigos.

Como o Kerson (K10) costuma dizer: - Gente, vamos dar uma força para o Machadinho! Como o Laerte (Lalá) costuma dizer: - Bancada, vamos ajudar o Machado que ele está precisando! Bastaram essas duas manifestações para as coisas começarem a acontecer. Eles nem pensaram se era possível ou não o que eu pedia. Regaçaram as mangas e foram na frente abrindo caminho para que as coisas se resolvessem.

Essa dupla é apenas uma parte dos amigos que tenho a honra de partilhar aqui na “Bancada da Bola”. Tenho certeza que os demais caso eu também os procurasse pedindo auxílio em um momento difícil, todos eles iriam se prontificar a dar uma mãozinha, cada um dentro de suas possibilidades. Se isso não é amizade não saberei procurá-la em outro local, pois é aqui que tenho encontrado pessoas que têm minha admiração.

Mas, graças a Deus todo este tempo em que convivo em Campo Grande tenho feito grandes amizades. Não posso deixar de citar os amigos do “Oases” que também são pessoas de meu apreço. Nossos encontros são mais raros em face das circunstâncias, mas nem por isso deixam de se fazerem presentes através de meios virtuais, mandando mensagens e emitindo opiniões em meu favor no sentido de que eu possa superar os obstáculos que ultimamente não tem sido poucos.

Evidente que a gente não pode abrir nossa vida como se fosse um livro. A sociedade cobra e às vezes até sobre coisas que não são de nossa responsabilidade, mas que são creditadas ao nosso nome só porque estão setorizadas sobre nosso teto. De outro lado, vem o medo de se expor. Esse talvez seja o maior entrave para se ler uma história triste, por essa razão o melhor é escolher um conto ou o relato de uma boa comédia. As arestas ficam para serem aparadas por quem sente as asperezas de sua superfície, afinal, são os pés que por ali caminham quem têm de retirar os espinhos.

O fato é que hoje estou me sentido muito bem. Ao contrário de ontem que mais parecia um guri chorão. Entretanto, as pendências ainda não foram resolvidas e ainda há muita batalha a ser enfrentada. No jargão do futebol estamos vencendo o primeiro tempo. Ainda falta o segundo. Esse talvez seja o mais difícil. Vem o cansaço. Vem a necessidade de o adversário ir para o ataque e nossa defesa pode não estar tão bem preparada.

O bom é que neste jogo Deus também está jogando, só que de nosso lado. Assim, o mal vai ter que pelejar para vencer o bem. E nas coisas de Deus só Ele mesmo para saber o porquê de encontrarmos um adversário tão voraz e tão cheio de enigmas. 



Imagens

Os números se perdem neste sentimento.

Comentários (4)

Enviado por: Osvaldo - Sindijus, em: 09/01/2014 08:17
Hélio. Independente de qual seja este 'jogo', certamente nós da 'Bancada da Bola', estaremos ao seu lado para atacar ou defender. Não poderia ser diferente, visto que você é referência em nosso meio, tendo conquistado nosso respeito e admiração durante os anos de convívio pessoal e profissional. Siga adiante, companheiro, que ao seu lado estarão, com certeza, além de nós da "Bancada", todos os demais amigos e, acima de tudo, Deus.

Enviado por: k10, em: 09/01/2014 12:22
Quando as forças se unem, fica muito mais fácil e quando os amigos juntam as mãos, Deus coloca os braços e nos guia, fica na paz que tudo vai dar certo.

Enviado por: Hélio, em: 10/01/2014 10:18
Obrigado pelo incentivo Osvaldo e Kerson.

Enviado por: Tula, em: 13/01/2014 14:14
Tenho certeza Machado que dentro da Bancada você tem inúmeros "jogadores" aptos para entrar em campo, jogar com garra e determinação para que a vitória seja alcançada. Pois assim você é, sempre disposto a cooperar e ajudar os amigos no que for possível.

Enviar comentário


Nome:
Comentário:
Código de verificação:  
(digite os números que aparecem na imagem ao lado do campo)