Seja bem-vindo, você é o visitante número 1.401.524 do nosso site desde março/2009.

Menu Principal
Início
Apresentação
Notícias
Comentários
Agenda de Jogos
Fotos e Vídeos
Hino
Contato

Campeonatos SINDIJUS
Veterano 2021
Veterano 2019
Veterano 2018
Veterano 2017
Veterano 2016
Aberto 2015
Veterano 2015

Festança na "Bancada da Bola"


Publicada em: 13/05/2012 09:25
por: Hélio da Rosa Machado

                  O Fabão e a Vanusa receberam a "Bancada da Bola" em sua residência. A casa estava lindíssima com a decoração tão bem preparada pela anfitriã. Além, é claro, do delicioso caldo de feijão complementado, mais tarde, pelo quitute fronteiriço; a pucherada.

                   Foi uma noite para ficar na memória. A galera estava super animada. Todos os presentes fizeram questão de trazer os familiares, lotanto o puxadinho do Fabão. A turma da "Bancada da Bola" ficou distribuída em volta à piscina. Pena que o tempo não ajudou aos mais afoitos. Eventual inspiração etílica poderia render um banho improvisado.

                    Chamei de puxadinho, mas, convenhamos, o Fabão está aperfeiçoando cada vez mais a sua moradia. A área social em que fomos recebidos inspira a moçada em face da sua comodidade e conforto. Não é sempre que podemos jogador conversa fora ao lado de uma piscina.

                    Contamos com a presença, sempre marcante, de nossos companheiros de música, o Mauro Gaiteiro e o seu companheiro Vivaldo (violão e voz). Eles exibiram todo seu talento, que, a cada dia, torna-se mais ousado e mais criativo. Por outro lado, nosso amigo Fabricê - um dos homenageados da noite - estava inspiradíssimo e cantou desde que chegou até o momento que o galo despertou os sonâmbulos da madrugada. Saí do Fabão lá pelas 2 da manhã, mas, o Fabrício aconchegou-se ao lado dos seus amigos de república (cada um acompanhado das suas respectivas namoradas) e continou a cantoria, atacando, dessas vez, de MPB. O Lalá foi outro que demonstrou que estava com saudade desses encontros sociais, visto que assumiu um instrumento de percussão e ficou ao lado do Fabrício, enfrentando os ponteiros do relógio. Até o Edson reverenciou a atitude dessa turma de violeiros da madrugada, já que ele (dono das saideiras), deu-se por vencido em foi embora antes dessa moçada. O Fabão deve ter exposto muitas bocejadas, já que quando sai ele já exibia esses traços de sonambolismo.

                   Aliás, falando do Lalá, quero registrar seu retorno, que, como já era de se esperar, ele voltou com todas as nuances que lhe emprestam a fama. Ou seja, voltou mais corneteiro do que nunca. Ontem, na hora em que cheguei ao campo, já se ouvia ao longe aquela algazarra. Com o olhar mais atento constatei que era ele, como de costume, cornetando a todos que chegavam.

                    Enfim, parabéns aos três aniversariantes: Fabão, Fabrício e Larte. Trata-se, realmente, de um trio que faz jus ao título do discurso lido na ocasião. Eles representam para a "Bancada" um TRIPLO EXPOENTE. O discurso será publicado na íntegra.

                    Outros registros fotográficos aparecerão na seção FOTOS e VÍDEOS.



Imagens

Momento musical

Fabão recebendo seu presente.

Fabricío recebendo seu presente.

Lalá recebendo seu presente.

O trio de homenageados

A equipe mais completa.

Anfitriã Vanusa exibindo todas sua alegria.

Momento de descontração.

Amigos do Fabrício (república)

Jussara e Vanusa ao lado da mestre cuca na noite.

Comentários (0)

Enviar comentário


Nome:
Comentário:
Código de verificação:  
(digite os números que aparecem na imagem ao lado do campo)