Seja bem-vindo, você é o visitante número 1.073.577 do nosso site desde março/2009.

Menu Principal
Início
Apresentação
Notícias
Comentários
Agenda de Jogos
Fotos e Vídeos
Hino
Contato

Campeonatos SINDIJUS
Veterano 2018
Veterano 2017
Veterano 2016
Aberto 2015
Veterano 2015

Questões regulamentares.


Publicada em: 12/09/2013 15:42
por: Hélio da Rosa Machado

O Conselho de Representantes convocado pela Diretoria Esportiva esteve reunido ontem à noite das 19:30 horas até às 22:30 horas, para sorteio e constituição das equipes, além, é claro, de discutir as questões regulamentares já que no último certame surgiram algumas controvérsias que precisavam ser equacionadas.

A nominação dos membros de Conselho já é de conhecimento geral em face da divulgação das equipes neste site, sendo que cada um deles consta como representante das 7 equipes do certame.

A reunião contou a participação de apenas 5 desses componentes, uma vez que, justificadamente, não puderam comparecer o Kerson e o Toninho Ávalos. Mas para substituí-los lá estavam o Diretor Esportivo Paulo César e o Presidente da Delegacia Sindical, o Osvaldo Lemos Cardoso.

O primeiro item de discussão foi a questão dos goleiros. Por maioria deliberou-se que será mantido o rodízio, visto que no último certame a experiência desse método obteve o sucesso esperado, até porque é apenas a minoria dos goleiros que não gostou da medida. Como no aqui no Conselho prevalece o voto da maioria, não tem sentido no caso dos goleiros prevalecer a opinião da minoria.

O segundo item foi a apreciação de uma proposta para reduzir o tempo obrigatório para a participação do atleta que está no banco. Essa proposta foi rejeitada. Assim ficaram mantidos os 20 minutos existentes no regulamento.

O terceiro item foi a questão de ter sido retirado da semifinal a vantagem do empate para a equipe que teve melhor campanha na fase classificatória. No veterano desse ano uma das partidas terminou empatada e foi alvo de divergência, porque alguns desconheciam como seria a forma de desempate, ou seja, por cobranças de pênaltis ou por prorrogação. Assim, deliberou-se que, neste certame, voltará a existir a vantagem para as equipes que obtiverem o primeiro e segundo lugar na fase classificatória.

O quarto item foi a questão da retirada, no último campeonato, da impossibilidade de substituição de atleta na semifinal. Deliberou-se, assim, que não haverá possibilidade de troca de jogador nessa fase, mesmo que a vaga tenha sido deixada por contusão.

O quinto item foi a questão dos goleiros que se classificaram para a semifinal e que, por compromisso abrirem mão dessa disputa. A vaga será preenchida pelo goleiro que estiver em quinto lugar e não poderá haver o retorno do goleiro que abdicou de seu direito na semifinal.



Comentários (0)

Enviar comentário


Nome:
Comentário:
Código de verificação:  
(digite os números que aparecem na imagem ao lado do campo)